A aspiração do escudeiro da governadora

Começa a ser espanada a cadeira de juiz que se encontra vazia no Tribunal Militar do Estado.
O comando geral da Brigada Militar, hoje, é como uma corrida de 100m rasos. O atleta aspira na largada e só volta a respirar no final da competição. Terceiro comandante da corporação no governo Yeda Crusius, a escolha do coronel Paulo Roberto Mendes para a cadeira que se encontra vazia no Tribunal de Justiça Militar é um obviedade, não obstante todos os currículos que chegam através de mãos perfumadas no Piratini. Polêmico, acusado de fascista, de midiático, de general virtual e de simples xerifão, ao se manter como ubíquo e indormido em sua farda operacional, Mendes se tornou num ícone da segurança pública de Yeda. No entanto, pelas formalidades legais que levam os brigadianos para a reserva, o tempo da aspiração do atleta da governa-dora está findando.
Depois de decidir pela derrubada de dois comandantes – os coronéis Edson Alves e Nilson Nobre Bueno – e de dois titulares da Segurança – Enio Bacci e José Francisco Mallmann – Yeda, caso não consagre Mendes como juiz, estará defenestrando o terceiro coronel que trabalhou sob o seu aval pessoal. Dar para o seu escudeiro uma medalha e um pijama, um eventual carguinho de paisano ou um prolongamento temerário no co-mando que exerce, será um gesto de imperatriz e não de governadora.
Visita
A Polícia Civil de Santana do Livramento apreendeu na rua Antônio Rodrigues, nº 187, no centro da cidade, cerca de 400g de cocaína em poder de um homem de 48 anos, que mora no bairro Glória, em Porto Alegre, e que visitava seu amigo de apelido Didi, que cumpre pena em regime semi-aberto por crime de latrocínio. Também foi detida a companheira de Didi, de 28 anos, que também está em regime semi-aberto por estar condenada a cinco anos de prisão por se dedicar ao tráfico de drogas. Também em Livramento, foi presa uma mulher de 33 anos, que responde processo por roubo. A mulher tinha em seu poder uma pistola Glock, mais a munição de 18 cartuchos. O marido da detida se encontra preso condenado por roubo.
Apenados
Quinta-feira, no Presídio Estadual de Taquara, a Susepe e a FGTAS (Fundação Gaúcha de Trabalho e Ação Social) promoveram aula inaugural de curso profissionalizante para 40 apenados. Dos detentos que participaram da iniciativa, 20 cumprem pena em regime fechado e 20 estão no semi-aberto. Eles receberão, ao final das aulas, que vão até 31 de dezembro, diplomas de assentador de azulejos e pintor predial.
Irmãos
Em diligência coordenada pelo delegado Adroaldo Schenkel, de Passo Fundo, foram capturados três irmãos foragidos que haviam sido liberados indevidamente do Presídio do município no início de novembro. O trio, com idades de 24,28 e 30 anos, foi localizado numa chácara localizada no interior da cidade de Marau. A ação policial foi fruto das investigações de um audacioso roubo praticado contra transportadora em 19 de novembro último, quando seis homens armados renderam funcionários e carregaram um caminhão de mercadorias. Os irmãos foram detidos pelo fato de estarem de posse de parte da mercadoria roubada.
Ouvidoria
Durante esta semana o ouvidor geral da Segurança Pública do RS manteve contato com o titular da Senasp (Secretaria Nacional da Segurança Pùblica), Ricardo Balestreri, quando, entre outros temas foi abordada a criação de uma ouvidoria itinerante, visando aproximar suas ações dos cidadãos nas diferentes regiões dos estados e do país. Paiani também esteve em Belo Horizonte como representante do governo gaúcho no III Ciclo de Estudos da Ouvidoria de Polícia de Minas Gerais. O evento faz parte do projeto de Fortalecimento das Ouvidorias de Polícia e é realizado por meio de parceria entre o Governo mineiro e Ministério da Justiça. Paiani, portanto, vai longe para ouvir tudo.
Multiplicação
Nesta segunda-feira, às 10h, na Esquina Democrática, em Porto Alegre, ocorrerá o lança-mento da Operação Papai Noel 2008 da Brigada Militar. Às 16h, em Canoas, a solenidade ocorrerá no calçadão da Avenida Tiradentes. Às 17h30min, acontece o lançamento na Praça do Imigrante, na Avenida Pedro Adams Filho, próximo ao calçadão de Novo Hamburgo. A Operação Papai Noel tem por objetivo intensificar os esforços do policiamento ostensivo durante as compras de final de ano. Considerando o efetivo real da Brigada, esta intensificação de esforços deverá corresponder a um maior período de trabalho para cada PM além da retirada de policiamento em vários pontos de cada cidade do RS. Tirante estas medidas, tudo o que poderá ser feito será através do milagre da multiplicação de PMs através dos acordes das bandas da corporação.

Deixe uma resposta